De malas prontas: Um passeio pela Recoleta – Buenos Aires

Olá pessoal!

Dando continuidade às dicas de Buenos Aires, agora irei contar sobre os lugares que visitamos no bairro da Recoleta. A Recoleta é o bairro mais nobre de Buenos Aires, bastante amplo e arborizado, cheio de praças lindas e bem conservadas.

_DSC1662 cópia

A arborizada e charmosa Recoleta

A primeira parada foi na Av. Pres. Figueroa Alcorta, onde pudemos avistar o belo prédio da Faculdade de Direito e Ciências Sociais e visitar um dos cartões postais de Buenos Aires: a Floralis Generica, uma flor de aço de 23 metros de altura e 18 toneladas que foi presenteada à cidade pelo arquiteto Eduardo Catalano.

Faculdade

Faculdade de Direito e Ciências Sociais

Floraris Generica

Homenagem à cidade de Buenos Aires

Floraris Generica

Floralis Generica

Depois passamos pelo Buenos Aires Design, que é um pequeno shopping com lojas de design e decoração. Achei que algumas lojas tem móveis bastante bonitos e alguns apetrechos fofos para quem quiser levar na mala. Em seguida paramos no Museo Nacional de Bellas Artes, inaugurado em 1896. Seu acervo permanente é bastante interessante e possui obras de artistas como Picasso, Goya, Rodin, Renoir, Cézanne, etc… Tivemos uma ótima surpresa pois o museu estava recebendo uma incrível exposição de quadros do Caravaggio, importante e singular pintor italiano. Suas obras costumam ser, no mínimo, perturbadoras. Um trabalho incrível!

Museu Nacional de Belas Artes

Museu Nacional de Belas Artes

Depois fomos caminhando pela Av. Del Libertador e paramos no Museo Nacional de Arte Decorativo, que fica no Palácio Errázuriz. O museu possui diversos objetos em seu acervo como mobiliário, esculturas, prataria, pinturas… Uma parada rápida e interessante. Na parte de fora do museu há o pequeno e charmoso restaurante Croque Madame. Não estávamos com fome nesse momento, então não posso emitir opiniões.

Fachada do Museo Nacional de Arte Decorativo

Fachada do Museo Nacional de Arte Decorativo

A próxima parada foi no famoso MALBA, o Museo de Arte Latinoamericano de Buenos Aires, que foi fundado em 2001 com os objetivos de colecionar, preservar, estudar e difundir a arte latino-americana, de princípios do século XX até suas manifestações atuais. O acervo permanente do museu conta com obras importantíssimas, como a pintura brasileira “Abaporu” da Tarsila do Amaral. A exposição que estava ocorrendo na época foi da artista brasileira Beatriz Milhazes, com pinturas lindas e muito coloridas.

Fachada do MALBA

Fachada do MALBA

O MALBA

O interior do MALBA

O interior do MALBA

Abaporu, da Tarsila do Amaral

Abaporu, da Tarsila do Amaral

Obra

“O impossível” de María Martins

A exposição de Beatriz Milhazes

E como sempre, o dia terminou em comida. Mas isso é assunto para um próximo post…

Maysa

Perfil_Maysa

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  1. Oi Natália, td bem?
    Que bom que está gostando!
    Continue acompanhando pois ainda tem muitos posts com dicas das minhas férias pela Argentina!
    Bjos