Gastronomia: Tia Elvira – Ushuaia (AR)

Olá pessoal!

Segue mais uma das experiências gastronômicas que tive em Ushuaia, na Patagônia Argentina.

O Tia Elvira é um restaurante de 1965 de frente para o canal de Beagle. Acabei decidindo ir a ele pois está bem avaliado no Trip Advisor e também me foi recomendado por uma amiga que já havia visitado a cidade. No final das contas, não recomendo pela análise custo-benefício e pela comparação com os outros restaurantes que frequentamos na cidade. Decidi fazer um post a respeito para orientar quem está construindo um roteiro pela cidade, justamente porque ele é muito bem recomendado e eu achei que não vale a pena.

Começamos com uns pãezinhos bem sem graça do couvert. Dá pra ver pelo aspecto que não era grandes coisas e parecendo meio passado e seco.

TiaElvira01

Para balancear um pouco a comilança da viagem, que já estava a toda depois de Buenos Aires, resolvemos pedir uma saladinha básica de alface, tomate e cebola por $ 27 pesos.

TiaElvira02

Optamos por pedir a “merluza negra a la Tía Elvira” por $ 130 pesos. O prato consistia em filé de merluza negra, molho cremoso, cogumelos, caranguejo-rei e mexilhões coberto de queijo. Como não veio nenhum acompanhamento e o prato era pequeno para dois, acabamos pedindo um arroz branco com queijo derretido.

TiaElvira03

TiaElvira04

Hoje, ao final da viagem acho que o Tia Elvira foi o restaurante mais fraco que fomos em Ushuaia. O serviço foi realmente muito lento e ruim e a comida não vale o preço que é cobrado quando comparamos a outros restaurantes da cidade.

Tia Elvira

Av Maipú, 349

+54 2901 42-4725

Maysa

Perfil_Maysa

De malas prontas: Passeio pelo Canal de Beagle – Ushuaia

Olá pessoal!

Hoje vou contar a vocês sobre o primeiro passeio que fiz em Ushuaia: a navegação pelo Canal de Beagle.

Há muitas opções de empresas na região portuária de Ushuaia que realizam este passeio. Nós acabamos fechando com a Patagonia Adventure Explorer, pois era uma das poucas que estava operando aquele dia diante de uma paralisação nacional por conta de uma greve. As saídas diárias ocorrem às 9h30 e às 15h. O valor é de $300 pesos por pessoa mais a taxa de embarque de $7 pesos por pessoa, com direito a algumas bebidas quentes e biscoitos durante o passeio.

Canal de Beagle 01

Mapa das navegações pelo canal de Beagle

O passeio que escolhemos durava aproximadamente 4 horas e contemplava passagem pela Isla Alicia (ou Isla de los Lobos), Isla de los Pájaros (ou Isla Despard), Faro Les Eclaireurs e caminhada na Isla Bridges. Devido ao vento forte e frio não conseguimos ficar do lado de fora do barco durante todo o trajeto, mas vale a pena sair em alguns momentos para curtir a paisagem. Na passagem pelas duas primeiras ilhas avistamos leões-marinhos e cormorões (pássaros parecidos com pinguins).

Canal de Beagle 02

Canal de Beagle 03

Canal de Beagle 04

Depois passamos pelo Faro les Eclaireurs que foi construído em 1919 e é também conhecido por Farol do Fim do Mundo.

Canal de Beagle 05

Na Isla Bridges desembarcamos para uma caminhada e pudemos observar a vegetação local e algumas ruínas arqueológicas, além de ouvir sobre a história dos Yámanas, população indígena que habitou a Terra do Fogo. Uma caminhada gostosa com paisagens alucinantes por todos os lados.

Canal de Beagle 06

Paisagem vista da Isla Bridges

Passeio obrigatório para quem vai a Ushuaia!

Patagonia Adventure Explorer

 Maysa

Perfil_Maysa

Gastronomia: Kalma Restó – Ushuaia (AR)

Olá pessoal!

Segue o relato de mais uma experiência gastronômica que tivemos em Ushuaia, na Patagônia Argentina: o Kalma Restó.

KalmaResto01

O chef Jorge Monopoli cozinha e atende ao mesmo tempo, e foi muito simpático e atencioso. Para quem estiver em busca de uma refeição apressada, este não é o lugar. Fomos jantar com calma em uma fria noite de Ushuaia e tivemos uma experiência muito agradável neste pequeno estabelecimento. Começamos com um gostoso couvert e duas taças de um vinho Malbec.

KalmaResto02

Recebemos uma entradinha que não me lembro o que era, mas era a base de aspargos e estava gostosa.

KalmaResto03

Depois partimos para uma sopinha de cebola com uma fatia de torrada coberta de queijo. Saborosa e ótima para aquecer o corpo naquela noite gelada.

KalmaResto04

Como prato principal pedimos a paella. Leve e saborosa. Adoramos!

KalmaResto06

Destaque para os belos talheres do estabelecimento.

KalmaResto05

A conta totalizou em $ 354 pesos. De modo geral, gostamos da experiência. Percebe-se a dedicação e o carinho do chef Jorge em tudo que foi servido. Um lugar gostoso para um jantar tranquilo…

Kalma Restó

Antártida Argentina 57

00 54 2901 425786

info@kalmaresto.com.ar

Maysa

Perfil_Maysa

Gastronomia: Doña Quela

Oi pessoal,

No post com as melhores dicas de San Martín de los Andes, destacamos o Doña Quela como o melhor restaurante de massas da cidade. Chegou o momento de contar aqui a nossa experiência, que também venceu na categoria atendimento dentre os restaurantes de San Martín. A noite super agradável foi conduzida pela garçonete Yanina. Estávamos em um grupo de nove amigos e a satisfação foi absoluta.

Dueña Quela

Doña Quela

Antes de entrar na gastronomia de fato, vale a pena comentar uma curiosidade interessante: o Doña Quela funciona em um prédio de 1910, declarado patrimônio arquitetônico da cidade. Sua localização corresponde ao que foi o salão restaurante do primeiro hotel de San Martín. Esse título lhe garante um ambiente de época com uma decoração rica em antiguidades.

Decoração cheia de antiguidades

Decoração cheia de antiguidades

Enquanto escolhíamos o nosso vinho, recebemos o couvert com fatias de pão e molhos de truta e de azeite com especiarias. Bem simples. As entradas selecionadas foram Sopa de abóbora e Batatas fritas com molho picante de tomate e queijo. As batatas estavam sensacionais e me fizeram lembrar das papas bravas espanholas.

Couvert

Couvert

Sopa de abóbora

Sopa de abóbora

Os pães que acompanhavam a sopa

Os pães que acompanhavam a sopa

Batatas fritas com molho picante de tomate e queijo

Batatas fritas com molho picante de tomate e queijo

Passando aos pratos principais, todos optaram pelas massas artesanais que foram as grandes estrelas da noite. A minha escolha foi pela especialidade da casa: Ravioli de truta ao molho de cogumelos. Fantástico! Também provei do marido e dos amigos o Ravioli de cervo ao molho de quatro queijos, o Noque ao molho pesto e outros pratos mais, todos deliciosos.

Ravioli de truta ao molho de cogumelos

Ravioli de truta ao molho de cogumelos

Ravioli de cervo ao molho de quatro queijos

Ravioli de cervo ao molho de quatro queijos

Noque ao molho pesto com chips de batata doce

Nhoque ao molho pesto com chips de batata doce

Para encerrar a grande noite selecionei uma bela mousse gelada de queijo com calda de frutas vermelhas. Bela e deliciosa!

Mousse gelada de queijo com calda de frutas vermelhas

Mousse gelada de queijo com calda de frutas vermelhas

Foi uma noite agradável e deliciosa, harmonizando perfeitamente com o frio gostoso de San Martín!

Doña Quela

Av. San Martín 1017
donaquela@yahoo.com.ar
www.interpatagonia.com/donaquela

Paula

De malas prontas: La Posta del Cazador

Oi pessoal,

Depois de apresentar as melhores dicas de San Martín de los Andes, chegou o momento de explorar no detalhe o cenário dessa cidade e a pousadinha que faz você se sentir em casa.

San Martín de los Andes

San Martín de los Andes

San Martín é uma cidade de apenas 115 anos e 40 mil habitantes, localizada na Patagônia Argentina, a duas horas de vôo de Buenos Aires. Margeada pelo lago Lácar, conta com duas principais atrações: a temporada de neve com os esportes de inverno e a temporada de verão com suas praias, trecking, escalada, mountain biking e a pesca de trutas e salmões.

Lago Lácar

Lago Lácar

Lago Lácar com San Martín ao fundo

Lago Lácar com San Martín ao fundo

O motivo das nossas duas viagens pra lá foi o snowboard em Cerro Chapelco, o que envolve uma programação diurna intensa na montanha. Por isso é bom aproveitar os dias de chegada e de partida, quando não dá tempo de subir à montanha, para passear tranquilamente pela orla do lago Lácar e pelas ruas simpáticas da cidade. As caminhadas noturnas estão garantidas nos percursos até os restaurantes.

Lago Lácar e as montanhas nevadas

Lago Lácar e as montanhas nevadas

Av San Martín

Av. San Martín

Nossa hospedagem, nas duas viagens, ocorreu na La Posta del Cazador, localizada na Av. San Martín a 30 metros do lago Lácar, o que garante uma posição estratégica: essa é a última pousada que a van recolhe passageiros rumo a Chapelco e é o primeiro ponto de parada no retorno.

La Posta del Cazador

La Posta del Cazador

La Posta del Cazador

La Posta del Cazador

A La posta é uma pousada familiar com clima de casa da vovó, com destaque para o atendimento acolhedor. Os ambientes são rústicos e bem aconchegantes, com a calefação funcionando sempre a pleno vapor. O café da manhã é caprichado, tornando-se um excelente combustível para os esportes em Cerro Chapelco. Afinal, a vontade de descer muitas vezes a montanha até cansar nos faz esquecer de parar para comer.

Hall de entrada da pousada

Hall de entrada da pousada

Agora vocês poderão ver algumas das delícias do café da manhã: bebidas quentes (café, leite, chá e chocolate), suco, cesta de pães com croissants, bolos e torradas, manteiga, geleia, doce de leite e requeijão, ovos mexidos e panqueca de doce de leite.

Café da manhã

Café da manhã

Café da manhã

Café da manhã

Café da manhã

Café da manhã

Café da manhã

Café da manhã

Resumindo, essa é uma pousada simples e acolhedora, com ótimo custo-benefício e com um atendimento muito atencioso.

La Posta del Cazador

Av San Martín 175, 8370
San Martín de Los Andes, Neuquén, Argentina
Site: http://lapostadelcazador.com.ar/
Tel:+54 297 242-7501

Paula