Gastronomia: Guido Restaurant – Buenos Aires

Olá pessoal!

Aqui é a Maysa e estou de volta das minhas férias na Argentina cheia de dicas de passeios, restaurantes, compras e hotéis para vocês.

Farei os posts na sequência cronológica da minha viagem. Sendo assim, começarei com as dicas de Buenos Aires.

O Guido Restaurant, de comida italiana, foi onde realizei meu primeiro jantar em Buenos Aires. No caminho também passamos pelo Guido’s Bar que é do pai do proprietário do Guido Restaurant, mas os estabelecimentos são totalmente distintos e independentes, conforme li no post do Café Viagem.

Mas enfim, vamos à minha experiência?! Estava exausta da viagem porque fizemos conexão em São Paulo e eu passei muito mal (é, sou dessas que tem que tomar remédio pra andar de avião, barco, ônibus…). Mas até o momento do jantar eu já havia me recuperado e estava faminta. Foi assim que caminhamos até o Guido, que fica no bairro de Palermo Botânico. Ligamos mais cedo para fazer reserva, mas o restaurante estava bem tranquilo, então acho que seria possível ter ido mesmo sem reserva. Gostei do ambiente escurinho, com a parede toda decorada com pôsteres de atores e atrizes famosos, além de outros adornos interessantes.

Pedimos um vinho Malbec da Bodega La Azul, reserva 2008, também por indicação do blog Café Viagem. Não sou grande conhecedora de vinhos mas achei muito bom! A atendente também era muito ágil e cordial. O serviço, de modo geral, em Buenos Aires não é muito bom, então o Guido se destaca neste quesito em relação aos demais.

 O pãozinho da casa com patê de entrada também estava bem gostosinho.

Decidimos dividir um prato pois não estávamos com tanta fome e as porções na Argentina costumam ser bastante generosas e suficientes para “compartir”, como dizem por lá. Escolhemos uma massa caseira que foi o “sorrentinos rellenos de cordero braseado 8 horas, salseados con crema, hongos frescos, secos y crema de porcini y trufas“. Estava delicioso! Se houvesse espaço, teríamos pedido outro igual.

De sobremesa (postre) fomos de panna cotta, que é uma espécie de pudim italiano. Não achei que se parecia com uma panna cotta, em relação às demais que já comi na vida, pois estava muito consistente e um pouco granulado. Achei dispensável.

O total da conta com serviço, em pesos, foi de $322.

De modo geral a experiência no Guido foi bastante satisfatória e extremamente recomendável.

Guido Restaurant

www.guidorestaurant.com.ar

Maysa

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  1. Oba!! Maysa de volta!! uhuhuhu o/ O prato principal parece uma delícia, agora a sobremesa, definitivamente, passa longe de uma panna cotta. rsrs Beijo e bem vinda de volta!

  2. Oi Alexandra, tudo bem?
    Obrigada pelo comentário!
    O Café Viagem foi super útil para pegar várias dicas de Buenos Aires!
    Muito obrigada!
    Bjos