Já que estamos no auge da temporada de neve na América do Sul, chegou o momento de compartilhar com vocês o lugar onde vi neve pela primeira vez. A viagem ocorreu em 2010 e o destino foi San Martín de Los Andes, uma pequena cidade localizada na Província de Neuquén, no Sul da Argentina, a 158 Km de Bariloche. O que me levou até lá não foi apenas ver e sentir a neve, mas o desejo de praticar o snowboard (incentivada pelo meu marido). E pesquisando esse estilo de viagem com o melhor custo-benefício, foi quando me contaram sobre Cerro Chapelco, a estação de esqui vizinha de Bariloche. Há quem faça a comparação que Bariloche é Cabo Frio e San Martín é Búzios. Prefiro não explicar, até para não me comprometer, mas existem diferenças entre as duas cidades da Região dos Lagos (RJ). Por isso, vou me contentar em apresentá-los ao lugar que me encantou e pretendo voltar muitas vezes.

Lago Lácar

San Martín é puro charme no inverno. Cidade pacata, casinhas românticas, ruas vazias (por conta do frio), lojas de roupas de esporte de neve, de artesanatos da Patagônia, muitas opções de vinhos, chocolates e charutarias, e ótimos restaurantes e cafeterias. Dá para jantar cada noite em um restaurante diferente, especializado em alguma culinária. De todos os restaurantes que conheci, com saborosas refeições e excelentes atendimentos, me marcaram a truta da Patagônia do La Tasca, o ojo de bife do Ku de los Andes, as pizzas e empanadas da Pizza Cala e a massa da Doña Quela. Não poderia deixar de mencionar o melhor mata-fome pós-snowboard: tostadas de hamon y queso e as cervejas artesanais da Patagônia na lanchonete Deli, de frente para o Lago Lácar, e o chocolate quente no cair da noite na Abuela Goye.

Truta da Patagônia a mantega negra

Ojo de bife com batatas rústicas

Pizza Cala

Adega de vinhos do Ku de los Andes

Chocolate espesso da Abuela Goye

Existem diversas opções de hospedagem. Nós optamos pela La Posta Del Cazador, bem próxima do Lago Lácar e da estrada que leva a Cerro Chapelco. É uma pousada familiar, com aquele jeitinho de casa da vovó, bem rústica. O atendimento é ótimo e o café da manhã é um banquete especial para aguentar o ritmo em Cerro Chapelco. De San Martín até a base de Cerro Chapelco são uns 15km. A nossa pousada oferecia um serviço de transfer diário, mas também é possível alugar um carro no aeroporto.

Da janela na pousada La Posta del Cazador

Na estrada para Cerro Chapelco

Cerro Chapelco possui um moderno centro de esqui com 29 pistas bem variadas que atendem a todos os níveis de experiência e idades e apresenta um cenário encantador tomado por bosques de lenga (árvores típicas da região) e com uma incrível vista do Lago Lácar.

Uma das cabanas de Chapelco

Freezer natural

Como eu estava embarcando nessa viagem sem a menor experiência em snowboard, fiz duas aulas individuais em dias consecutivos com 1 hora de duração e na sequência passava o dia colocando em prática os aprendizados. Também existem aulas em grupo, mas eu queria aprender rápido. Afinal, naquele momento meu marido já estava descendo as pistas avançadas. A primeira coisa que você precisa aprender é se é destro ou canhoto. Na primeira aula senti que eu era destra. Na segunda cismei que era canhota e assim continuei pelos 8 dias seguintes. Mas não duvido nada que na próxima viagem, volte a ser destra. Rs… O grande desafio no início é se soltar e acreditar. Com persistência (porque o início é bem chato) e confiança, os movimentos se tornam naturais e começa a diversão. Mas prepare-se, porque no dia seguinte, partes do seu corpo que você desconhecia vão amanhecer doendo, especialmente se rolaram muitos tombos. Ainda assim vale a pena. Descer uma montanha de neve é uma delícia!

Descendo uma das pistas de Chapelco

Snow Park

Nossa viagem foi na 2ª quinzena de agosto, quando ainda rola neve, mas os preços são bem melhores por já ter passado a alta temporada. Ainda demos a sorte de pegar uma nevasca que não ocorria desde 1984. Até em San Martín nevou!

Chapelco na Nevasca

Espero que tenham gostado da dica. Quem já conhece Cerro Chapelco pode babar um pouquinho nas fotos…

Beijos e até a próxima viagem!

Pousada: http://lapostadelcazador.com.ar/

Paula

Paula nova

Related posts: